terça-feira, 7 de maio de 2013

Salvador Norte Shopping e Le Lis Blanc

Oi gente, desculpa meu sumiço, eu sei que deveria ter aparecido mais vezes porém pra mim não deu, porque eu confesso que estava sem inspiração para fazer post e como esse é um blog meu e eu só falo aqui aquilo que eu quero, sinto muito, mas vai ser assim por tempos e tempos, até porque não sou a pessoa mais criativa do mundo, então me perdoem e eu espero que o post de hoje, ajudem vocês principalmente na chegada do dia das mães.
É bem difícil você ir até um shopping e achar uma promoção legal, geralmente você tem que trocar as suas notas fiscais por cupons para participar de um sorteio. Esse ano, alguns shoppings de Salvador mudaram essa tática e estão presenteando as "mamães" com surpresas na hora. Eu tive o prazer de conhecer a promoção do Salvador Norte Shopping, nas compras acima de R$250,00 você ganha um kit com quatro produtinhos de maquiagem, isso é na hora, não precisa pagar taxa, não precisa de cupom, não precisa de absolutamente nada, muito pelo contrário, você leva sua identidade, as notas fiscais comprovando o valor da compra e pronto, você ganha o seu kit, é só escolher as suas cores e correr pro abraço. O kit todo é composto por 4 produtos: Um batom, um gloss, um lápis para olhos e um rímel. Se você compra a mais do que o valor esperado, ainda pode escolher outro produto, no meu caso eu levei sete produtos, o kit e mais três que eu escolhi com muito amor, é claro.
A marca não era conhecida por mim, então não vou falar se é boa ou não, porém eu amei as cores e embalagens, principalmente dos batons, tudo escolhido com muito amor para as mamães de Salvador, isso não é incrível? Eu deveria ganhar para falar sobre o assunto, porém não estou ganhando, mas achei super em conta falar sobre isso, até porque se torna uma opção de presente para alguém especial, porque maquiagem é tudo aquilo que uma mulher gosta de ganhar, seja somente um batom, ou apenas um lápis de olho, não importa, maquiagem além de deixar uma mulher mais bela, faz ela feliz.







As cores são variadas, embora não tenha muita opção e os produtos são bastante pigmentados, deixam uma cor bonita, pelo menos na minha mão deixou (kkkkk) e sem contar que já é o bastante para presentear aquela mulher especial, seja ela sua mãe, esposa ou irmã que também seja mamãe, tanto faz, o que não vai faltar é o que presentear esse mês. Outros shoppings também estão com promoções semelhantes, mas eu não posso falar muito porque ainda não fui conferir, quem sabe se eu for, daqui até sábado, falo um pouco para vocês sobre as outras promoções.
Nas fotos acima falta um batom, mas foi porque a minha mãe escolheu pra ela, mas era um rosinha muito lindo e com brilhinhos, parecem ser super hidratantes, mas só testando para falar melhor para vocês, prometo que irei testar e deixarei a minha opinião sobre os produtos. Agora me façam um favor e corram para o Norte Shopping, vocês não vão se arrepender, pelo menos eu não me arrependi. Um beijo grande e até o próximo post. 

sábado, 13 de abril de 2013

Falando de filmes!

Semana passada eu fui ver um filme muito interessante, não, espera, eu fui ver um filme sim, mas na verdade o livro é muito interessante, muito bom, o filme já não foi do meu agrado. Não sei vocês, mas para quem já leu o livro "A Hospedeira" da autora Stephenie Meyer - a mesma autora da saga Crepúsculo, ela mesma - e foi ver o filme que foi lançado recentemente, sabe que o filme é uma merda. Por favor, os fãs do filme não me julguem mal, se vocês leram o livro e acharam o filme bom é uma opinião de vocês, mas convenhamos, falta alguma coisa naquele negócio.
O livro é dos meus favoritos quando se trata de ficção, porque ele fala de um mundo paralelo, trata das diferenças entre os seres e como podem viver juntos, aprendendo a respeitar cada um do seu modo, sem preconceito e isso é maravilhoso, nós deveríamos trazer essa parte para nós, para a nossa sociedade atual que não vê nada além dos padrões que ela mesma criou. Porém o filme deixou muito a desejar, eles recriaram o cenário perfeitamente como esta no livro, mas as cenas não são lá muita coisa, no começo você não entende nada, são flashs da vida de um pessoa que tem seu corpo possuído por uma alma, um alienígena  enfim como queiram chamar. No filme eles contam sim a história, mas não parece bem uma história, parece relatos, todo mundo diz que Crepúsculo foi uma merda e blá blá blá, porque disso e daquilo, mas merda mesmo foi o que fizeram com A Hospedeira, isso na minha humilde opinião é claro.
O resumo do filme e livro é o seguinte: Peg é um espirito de outro mundo - uma alienígena - que viaja através dos mundos possuindo corpos de seres por ai tentando manter-se viva e quando vem para o mundo dos humanos ela passa a viver no corpo da Mel, que é uma garota da resistência. A resistência são seres humanos que se esconderam em uma caverna subterrânea gigante, fugindo desses seres que invadiram o mundo e começaram a tomar os corpos das pessoas para sobreviver. Mel deixa que Peg acesse suas memórias e sinta tudo que ela sentiu, no começo Peg relata tudo para a sua buscadora, mas depois de um tempo ela descobre que a buscadora não é do bem e com a ajuda de Mel que vive dentro da cabeça de Peg, foge para encontrar a resistência. A criatura leva uns tapas, mas acaba sendo protegida pelo tio de Peg que é como o prefeito do lugar, ele quem dá as ordens e tal, então Peg passa a viver ali até que ela decide contar que Mel ainda esta viva e elas dividem o mesmo corpo. Dai acontece um monte de coisa e no final Peg decide que quer morrer, mas ninguém deixa ela morrer e coloca ela no corpo de uma pessoa que esta quase morrendo. Assim todos vivem felizes para sempre.
É mais ou menos isso ai, porém você não sentiu emoção nenhuma lendo o que eu escrevi no resumo, isso tenho certeza e foi exatamente assim que eu me senti quando sai do cinema, ainda mais vazia de conteúdo do que entrei, faltou emoção, faltou as cenas boas do livro ali no filme. Várias pessoas concordam comigo quanto a isso, então se você me perguntar se eu recomendo o filme, vou te dizer que não, leia o livro, perca seu tempo e dinheiro com o livro, mas não faça isso com o filme. A não ser, que você seja igual a um casal que estava do meu lado e vá para o cinema só para se pegar com alguém, ai sim vale a pena, mas se quer mesmo ver o filme e entender ele, leia o livro, vai te custar menos e vai te satisfazer mais. Só teve coisa ruim no filme? Claro que não, a trilha sonora é muito boa e a música final melhor ainda, Imagine Dragons - Radioactive, escutem, é muito boa e é a parte boa do filme, na minha opinião, o fim! 




sábado, 6 de abril de 2013

Falando de Música ! #3

Olha eu de volta, com mais musicas legais para esquentar esse sábado e talvez animar alguns romances por ai, afinal de contas estou muito romântica ultimamente e ando ouvindo musicas melosas, confesso isso, então, quem vem comigo? Curte ai e se divirtam!












quarta-feira, 3 de abril de 2013

Você aceita o passo?


Essa pergunta ficou na minha cabeça, porque foi essa pergunta que me fez viajar nas fantasias mais intimas de Cassie, uma viúva de 35 anos que vive em completa reclusão, sua vida é de casa para o trabalho e do trabalho para casa, até o dia em que uma das freguesas do Café Rose - local de trabalho da nossa protagonista - deixa cair "acidentalmente" um caderninho onde estão escritos seus segredos mais excitantes e curiosa, Cassie acaba lendo uma coisa ou outra e é nesse momento que a sua vida começa a mudar. 


Como o próprio já diz é uma história sem julgamentos, sem limites e sem vergonha, proibida para menores de 18 anos, embora exista muita gente com menos de 18 que conheça mais coisas do que Cassie (haha). Bom, o livro não é mais um "50 tons de cinza" pelo contrário, ele é muito melhor do que "50 tons de cinza" o que na minha opinião já conta bastante, já que eu li os três livros da série 50 tons. O bom desse livro é que ele te leva a viajar nas aventuras de Cassie, uma mulher real, com problemas reais, com uma real que se entrega a algo que a muito tempo ela esqueceu dentro de si, seu lado mulher real, a mulher que sente, que quer, que vai atrás. Cassie é uma mulher jovem que perdeu a vida muito cedo em um casamento sem futuro algum, me digam, onde é que você já viu essa história mesmo? Eu já ouvi em vários lugares, embora nem todas sejam viúvas, algumas agem como se fossem e é ai que esta a diferença do S.E.G.R.E.D.O ele é real, embora uma sociedade secreta não seja bem o que a gente encontre por ai, o que eu acho sinceramente, que não vai demorar a aparecer.
O que me levou a comprar o livro? Curiosidade, eu vi muitos blogs que falaram sobre ele, como era diferente, como ajudava você a despertar para a vida e um monte de blá blá blá que eu fui lá e disse: Porque não? Então aceitei o passo e me entreguei ao S.E.G.R.E.D.O de Cassie, estou muito apaixonada pelo livro, de verdade, eu vou ler ele sempre que eu esquecer os 10 passos para o meu sucesso pessoal, com toda certeza eu vou ler. Mas como nem tudo é perfeito, algo no livro me deixou inteiramente chateada, o final, não que eu esperasse que depois de tudo nossa protagonista fosse ficar com seu grande amor, isso não seria realidade, mas o livro deixou aquela coisa de "mais", aquele sentimento de que está faltando algo, um segundo livro, uma continuação dessa história emocionante, depois de perder seu amor e aceitar o S.E.G.R.E.D.O o que acontece com Cassie? Eu gostaria de saber, gostaria muito de saber e por isso eu adoraria se tivesse uma continuação. Mas, depois de falar tudo isso sobre o livro, eu pergunto a você, querida (o) leitor, você aceita o passo? Você aceita o S.E.G.R.E.D.O? Um beijo bem grande e até o próximo post!

Oi seus lindos, estou de volta!


Eu sei, eu sei, sinto muito pelo tempo que passei fora, isso para quem se importa é claro, mas ai é que esta, fiquei doente, peguei uma gripe e minha inspiração se foi junto com ela, depois da gripe veio a Páscoa e eu espero que tenham comido muito chocolate, porque eu não comi quase nenhum, sai desatribuindo os que ganhei, regime? Não, não mesmo, enjoou na verdade, minha gripe me deixou muito mal para comida, qualquer comida, foi bem estranho, mas enfim, voltando ao assunto, com a chegada da Páscoa eu viajei e a internet no interior é terrível, não dava para postar absolutamente nada, porem, para recompensar pela minha ausência nesses últimos dias, eu venho com um bando de novidades, para começar eu fiz compras, coisa que vou postar em outro post com direito a fotos e tudo mais, fotos essas que eu só tirei de uma peça, preciso tirar da outra e ai faço o post, mas amanhã vai estar tudo certo, prometo.
Bom, segunda coisa que eu queria falar é que li três livros nesse meio tempo, um deles é S.E.G.R.E.D.O eu vi muita gente falando desse livro e confesso que ele me fez bastante feliz, mas não curti o final, acho que ele precisa de uma segunda parte, uma série desse livro, poderiam ser só dois, mas que desse um complemento, porque eu acho que faltou, quase ninguém vai concordar comigo, mas essa é a minha opinião. Os outros dois livros que eu li foram de uma séria que se não me engano são três livros da serie, mas eu ainda preciso ler o ultimo. Para não deixa-los com água na boca, - sim deixa-los porque tem garotos que lê esse troço aqui (haha) - eu vou falar o nome e acho que várias meninas conhecem a série, eu já tinha um deles o primeiro claro, mas eu precisei ler novamente porque já tinha feito isso a tempos atrás e não me lembrava mais da história, enfim, sem mais delongas o livro foi a série Hush Hush da Becca Fitzpatrick, estou gostando, devo confessar, depois também falarei deles, mas pretendo fazer isso quando ler o último e ai faço um geral, embora muitas meninas e até meninos conheçam os livros.
Por ultimo, mas não menos importante, eu ouvi muita musica diferente, musicas boas ao meu gosto é claro e eu vou fazer uma junkbox especial, com todas as musicas que eu ouvi esse tempo que passei sumida, preparados? Espero que sim porque tem para todos os gostos. Ha eu assistir várias séries também e vou falar de cada uma ao decorrer do tempo, certo? Ok, sem mais nada a dizer, deixo um beijo enorme para todos e vamos me aturar, porque eu voltei! 


quarta-feira, 20 de março de 2013

Preta Gil + C&A

Finalmente a C&A terá roupas para um público mais avantajado, ou seja, nós as gordinhas de plantão, pois é, a nossa querida cantora Preta Gil, fechou mais uma parceria com a C&A e está lançando roupas até o tamanho 56, isso não é o máximo?


É bem difícil encontrar roupas de acordo ao nosso gosto, roupas que caiam bem no nosso corpo, que não nos deixem preocupada se estamos feias ou não. O mais difícil ainda é encontrar esse tipo de roupas em lojas acessíveis como C&A, Renner, Riachuelo, Marisa e entre outras que estão na boca do povo e pertinho das nossas mãos, roupas que sejam baratas e que saiam em conta. Porque ir no shopping passear, ver aquela roupa maravilhosa e não poder comprar porque não tem o nosso numero é frustrante. Por isso, ai esta essa diva maravilhosa que é a Preta, lançando moda junto com a C&A e moda para nós, as fofuras do país.


O nome da linha é "Specíal For You" e nada mais justo, afinal de contas somos especiais, gordas ou magras, com corpos redondos ou quadrados, nas nossas pequenas ou grandes formas. Eu vou correndo na C&A mais próxima em breve, trazer essas novidades para o meu guarda-roupa, porque oportunidade assim não se encontra todos os dias certo? Parabéns a Preta e até que enfim C&A inovando e pensando nos corpinhos cobiçados do Brasil, porque convenhamos, eu sou cobiçada e você? (kkkk) Vamos aproveitar meninas, Special For You, by: Preta Gil, exclusiva para a C&A esta esperando por você, por mim, por nós! Um beijo grande e até o próximo post.




segunda-feira, 18 de março de 2013

Roupa íntima? Sério?

Sim, sério meninas, vamos falar de roupas intimas. O que vocês andam usando? Porque eu ando usando tudo que é larguinho, sexy ou não, é isso que me faz bem e confortável. Porque falar desse assunto um tanto... Constrangedor? Porque existem por ai, várias pessoas desinformadas que mesmo estando com um corpinho maravilhoso feito o nosso, acha que pode usar qualquer calcinha ou sutiã. Sim, tudo bem que elas podem, afinal quem esta comprando são elas, mas ai é que esta a questão, isso é o certo a se fazer? A resposta dessa pergunta é "NÃO" com todas as letras e em maiúsculas gritantes.
Existe uma grande diferença entre os tipos de calcinha, mas para nós gordinhas as melhores são aquelas com a lateral mais larguinha, que ajuda tanto a manter as formas, como a esconde-las. Vocês sabiam que as calcinhas de cintura mais alta e com lateral mais larga ajudam na hora de esconder alguns pontos do corpo? Ajudam na hora de vestir uma calça, short, saia, bermuda, que seja? Pois é meninas, essa uma dica infalível e você pode usar esse tipo de calcinha sem deixar de ser sexy na hora "H", exato, aquela hora esperada pelos homens e temida por todas as garotas tímidas.
Os tipos de sutiãs também não facilitam muito nossa vida, alguns são muito finos na lateral e nos deixam com aquela gordurinha dividida embaixo do braço, aquilo é um pouco feio quando esta usando uma roupa mais decente, quando vamos sair ou coisa parecida. Por esse motivo também existem os sutiãs mais larguinhos na lateral, que escondem aquilo que nós lutamos para não deixar aparecer, eu tenho vários e sem falar que são os mais confortáveis assim como as calcinhas.
Os tipos de peças intimas mais finas nas laterais, sejam sutiãs ou calcinhas, tendem a nos deixar divididas, marcam as roupas e ainda por cima assam e cortam a pele, causando feridinhas indesejáveis nas nossas dobrinhas perfeitas. Alguns materiais costumam ferir mais que outros, porem o melhor remédio é realmente evitar usar esse tipo de peça e optar por algo mais larguinho que favoreça o seu corpo do jeito que ele é. Eu canso de falar sobre as roupas que valorizam ou não o nosso corpo, mas esqueço de falar do que vem por baixo dessas roupas. Confesso que já usei muito calcinhas marcadas demais e sutiãs pela mesma forma, me olhava no espelho e queria fugir do que estava vendo, mas aprendi com os meus erros, ainda tenho algumas marcas disso tudo e hoje em dia quanto mais eu puder correr, melhor.


Vocês não vão deixar de serem sensuais por usar uma peça maior, adequada ao seu corpo, mas sim se começarem a querer parecer com mulheres de menos curvas e usar algo que vai te prejudicar física e psicologicamente, seja na hora ou mais tarde, a escolha é só de vocês. Espero que a dica ajude, um beijo grande e até o próximo post! 

sábado, 16 de março de 2013

Um papo cabeça: TPM!


Treinada Para Matar, Tô Puta Mesmo, Todos Problemas Misturados, Tente Perturbar Menos, Tocou - Perguntou - Morreu, Tente Próximo Mês, são alguns dos termos usados naquele famoso período feminino onde os homens correm e as mulheres carregam suas armas, ou seja, o vocabulário. A dica hoje não é só para as meninas, mas para os rapazes também, porque coitados são os que mais sofrem com a nossa crise particular.
A mulher é igual a um urso, porém nós mulheres hibernamos alguns dias cada mês, enquanto os ursos hibernam por uma estação inteira. Porque comparar mulher a um urso em hibernação? Você já tentou acordar um urso durante seu período? Não? Então tente e se sair vivo, venha nos contar como foi a experiência. As mulheres são a mesma coisa, o período da tpm é guando estamos mais sensíveis que o normal, nós engordamos mais, comemos mais, choramos mais, fazemos mais besteiras e falamos ainda mais, o que já é normal de uma mulher se torna o pior pesadelo dos homens. Nem mesmo nós mulheres conseguimos compreender umas as outras no período da tpm, porque se eu estou de tpm e minha amiga não, a gente acaba brigando por besteira e vice-versa. O mundo menstrual feminino é cercado de mistérios que nem os cientistas conhecem, que dirás nós mesmas. É nessa fase que os homens precisam questionar menos, comprar mais chocolates, flores, mimos, sair menos de casa, ouvir mais e fazer de tudo para não roncar durante a madrugada, porque temos sono leve e não queremos assassina-los sem motivos.
Brincadeiras a parte, essa é a fase de descanso feminino, coisa que ninguém entende, porque vejam bem, nós passamos o mês inteiro trabalhando demais, estudando demais, fazendo tudo demais e ai chega um ponto que precisamos de sombra e água fresca, esse momento é exatamente quando entramos na fase da Tensão Pré Menstrual e Tensão Pós Menstrual, porque mulheres também ficam tensas depois que a colega, visita, amiga vai embora. Todos os nossos estresses diários concentram-se nesse período especial do mês, nós estamos ouvindo mais, lembrando mais, analisando mais as coisas e percebendo melhor as coisas, ou seja, ficamos psicóticas por todos os motivos e ai explodimos.
Comer é um ato completamente relaxante e o chocolate é o melhor amigo nesse momento, porque ele liga uma partezinha do nosso cérebro ligada ao prazer, podem acreditar, existem pesquisas que comprovam isso, é só procurar. O melhor amigo da mulher no período menstrual não são os diamantes, mas os chocolates amargos, aqueles 70% cacau, consumido claro de forma saudável e não compulsiva, dois a cada dia não faz mal algum e ajuda a passarmos pela tpm com menos tensão. Nessa fase estamos com os hormônios a flor da pele, temos quedas e altas o tempo inteiro e o chocolate nos ajuda a equilibrar tudo isso, sem contar no fato de que é super divertido preparar um brigadeiro, sentir o cheiro do chocolate, se deliciar com ele derretendo na boca, hummm deu até vontade agora.
Outra coisa desse universo feminino que vem juntinho da tpm são as cólicas, pois é, esse é o dia que estamos com o humor ainda pior e completamente manhosas, porque mulher nenhuma gosta de sentir dor, aliás ninguém gosta de sentir dor, principalmente as dores da cólica. A gente não sabe definir o que é, mas se tem algo que eu entendo na Bella Swan do filme Crepuscolo é a dor na hora de ter a Renesme ( é assim né gente? ), porque se formos comparar, é exatamente assim que nos sentimos, como se algo estivesse querendo romper a gente em duas. Não é que somos loucas e aumentamos tudo que estamos sentindo, mas ficamos louca no nosso período menstrual e os homens precisam entender isso. Então, se você é um homem, tem uma namorada, amiga, colega, ficante, esposa, chefe, que seja, se prepare para o período dela com um estoque de chocolate meio amargo e pode ter certeza que sairá vivo dessa, pois ao contrário dos ursos, com nós mulheres ainda rola uma boa conversa. Uma dica ótima para os homens é comprar o kit: TPM Alívio e deixar guardadinho, vai que aparece alguma louca perto de você, vale a dica para nós também meninas, eu já fiz minha reserva do mês e vocês? Um beijo grande, espero que tenham gostado e até o próximo Papo Cabeça! Sugestões são bem vindas.


Falando de Música! #2

Vou tentar postar toda semana musicas que mexem comigo, que são atuais ou não, musicas que escuto, mas eu acabo esquecendo então me perdoem caso não tenha musicas toda semana, mas aqui vai a lista de algumas musicas que estão fazendo minha cabeça ultimamente. Dessa vez são musicas meio tristes, mas que eu gosto demais da conta e que me lembram algo, porque eu sempre ouço musicas que me lembram alguma coisa, alguém, algum lugar e etc. Vamos ouvir? Espero que curtam, beijo grande e deixem sugestões de músicas pra mim!










sexta-feira, 15 de março de 2013

Sem ideias e sem tempo? Vai de cachos!

Bom meninas vou ensinar uma coisa super legal que eu aprendi caçando por aí, mas não lembro mais onde, então vamos lá. Faz algum tempo que eu não posso dar química no cabelo, por isso sobrevivo com as armas que tenho e por isso vou ensinar a vocês esse truque super luxo que eu aprendi a fazer e ficou muito bom no meu cabelo, espero que funcione com vocês. Esse truque serve para aquele dia que você resolveu lavar o cabelo em casa e ai depois do banho lembrou que tem aquela festa a noite e esta sem dinheiro pra correr no salão e sem tempo para arrumar o cabelo, porque a espera no salão é muita, então você esta desesperada e não sabe o que fazer? Calma, eu vou dar as dicas.
Primeiro os itens necessários: Um secador, duas chuchas, um pente, uma chapinha, um pouquinho de leve-in e fixador de penteado.
Passo-a-passo: Depois de lavar o cabelo e secar direitinho, você vai secar ele bem de leve e desembaraçar, feito isso você vai passar um pouco do leve-in, eu gosto dos termais que protegem os fios da exposição ao calor, mas voltando, separe seu cabelo ao meio dividindo-o em duas partes, não precisam ser exatamente iguais, separe a franja caso tenha. Faça dois coques baixos - na nua - e seque bem com o secador, deixando a franja de lado por um tempo, você vai levar em torno de 40 minutos em média secando cada coque, ao terminar mantenha-os presos e parta para a franja. Na franja é fácil, só passar a chapinha e modelar como você quiser, cabelo pronto vai cuidar da make e de todo o resto. Com tudo feito você solta os coques e vai ter cachos bem arrumados, soltos e volumosos é só usar a imaginação e arrumar como quiser, prender pra uma lado, fazer um rabo chique, sei lá use sua imaginação, ajeite a franja e vá para a festa porque a noite é sua.
E para não ter duvidas, aqui algumas fotinhas de como ficou o meu cabelo com essa dica maravilhosa, eu vou usar sempre que não tiver tempo para um bom salão e como meu cabelo é bem cheio, vai ficar um arraso como já ficou. Abuse da imaginação e divirta-se amiga, afinal depois de uma semana cheia, nós merecemos.


Ps: Para quem quiser saber o que eu uso, não é muito e nem muito caro, eu uso a linha completa da Novex com Óleo de Argan!

Acessórios perfeitos!

Começando a onda do inverno e eu falei sobre colorir o visual, porque não começar com os acessórios? Eu sou fã de brincos, colares, anéis e afins, mas a minha paixão mesmo são bolsas, juro, eu sou louca por bolsas e adoro poder mudar sempre elas, se pudesse usaria uma cada dia, mas dinheiro pra isso que é bom nada. Mas, voltando ao assunto, porque não começar a colorir com os acessórios? Eu conheço um lugar perfeito para isso e o nome é Panapaná Bijuterias e Acessórios, lá tem de tudo, desde coisas mimosas como brincos pequenos, até bolsas super estilosas e com presos que estão de cair o queixo de tão acessível.
Eu conheço a loja online a algum tempo e já comprei de lá o que me faz confiar bastante na loja, sempre tem novidades e promoções, com produtos bons e que estão super na moda, afinal de contas somos mulheres e adoramos estar sempre na moda, usando algo que vá encher não só os olhos dos outros, mas os nossos também. A Panapaná consta também com Box de vantagens que você assina do jeito que preferir e recebe em casa produtos exclusivos todo mês e tendo total liberdade para cortar sua assinatura quando quiser. Sério, vale a pena conferir e se eu fosse você corria lá agora, porque é uma coisinha mais linda que a outra e  vale a pena conferir, então, vai perder essa chance? Corre lá meninas!

                                                   

quinta-feira, 14 de março de 2013

Fugindo um pouco do assunto: Jovens e as redes sociais!


Alguém já percebeu que cada vez mais os jovens estão errando bastante o português? Ora, mas quem é você para falar disso? Confesso que sou uma pessoa completamente errada e que quando se trata da minha língua natal erro diversas vezes, porém a cada dia que se passa os erros tornam-se piores. A culpa disso tudo vem das redes sociais ou da escola? Eu acho que aqui na bahia de ambos os lados, até porque o que tem de greve nas escolas já passou da minha cota de gibis, vamos acordar certo Governo da Bahia? Vamos fazer alguma coisa pelos mestres do nosso estado e começar a pagar direitinho, porque são eles que educam os seus filhos e os futuros governadores do Brasil e do mundo, vamos colocar o despertador para funcionar na hora certinha e começar a acordar para trabalhar, porque não estamos vendo melhoras.
Mas voltando ao assunto inicial, porque meu recado já foi dado, na Bahia a culpa pode ser de ambos, mas e nos outros lugares do Brasil? Saber inglês, francês, espanhol, italiano é mesmo mais importante do que saber a própria língua? Acho que não. Nas redes sociais o que mais estamos vendo hoje em dias são jovens com o futuro nas mãos que caem nas graças de outros jovens por alguns erros, vírgulas fora do lugar e palavras inexistentes que eles acabam dizendo sem ao menos perceber. O Brasil esta entrando em uma fase de muita tecnologia e pouca disciplina e educação, porque não pegar as duas coisas e juntar em uma para ensinar os nossos jovens a escrever e falar adequadamente? Pois é Brasil, o que estamos vendo hoje é um descaso ao trabalho de diversos professores antigos que deram tudo de si para educar esse país e o que temos agora são professores despreparados e mal pagos que vão para a sala de aula encontrar meia duzia de alunos que saem dessas salas sabendo formar palavras, mas sem saber como pronuncia-las ou escreve-las. O que estamos presenciando no Brasil é o inicio de uma era que poderia ser a salvação do mundo, mas que esta se mostrando ser a perdição dele, ou isso é um novo governo? Mais jovens nas redes sociais e menos jovens na escola, mais jovens na rua, sem prego ou proteção e menos jovens com um futuro brilhante pela frente.
É isso mesmo que queremos pelo nosso país? Pelo nosso mundo? Todos dizem que as crianças são o futuro da humanidade, mas esse é futuro que queremos? Um futuro onde crianças despreparadas governaram? Acho que não e continuo dizendo que não sou a melhor pessoa para falar disso, mas alguém precisa tomar uma atitude, afinal de contas as greves não são por um motivo qualquer e eu abraço a causa. Porém, ainda quero os professores e alunos nas salas de aula e não na rua protestando por um salário de merda ou pela falta de professores na sala. Então senhores governadores, senhores deputados, senhores prefeitos e senhora presidenta, vamos mesmo ficar sentados esperando a desgraça do Brasil ou vamos levantar das cadeiras e fazer acontecer? Porque eu sou muito pequena sozinha, porque os professores e alunos são muito pequenos sozinhos, mas se vocês começarem a fazer a diferença, talvez e só talvez, se já não for tarde demais, conseguiremos educar uma nação e fazer do nosso Brasil um futuro melhor.
Vamos acordar sociedade, pois o nosso futuro esta nas redes sociais e sem um pingo de atenção, enquanto deveriam estar na escola aprendendo a fazer do Brasil um lugar melhor para se viver, porque rede social é lugar para lazer e não para educação.



Bem básico!



Bom, eu não tenho uma câmera boa e nem um celular bom, então não me processem, mas resolvi fazer um look do dia com a roupa que eu sai essa manhã, espero que fique do agrado de vocês e que sirva para ajudar na hora de montar um look, esse é bem básico e eu usei ele para ir até o shopping, não demorei muito por lá, mas foi para onde eu sai com ele, mas poderia ter sido para uma baladinha, um encontro no barzinho com os amigos, bom vai de vocês. Espero que curtam!



Não reparem na bagunça da minha cama, eu acordei super cedo e não tive tempo de arrumar, então não falem nada ou eu mordo vocês (hahaha). A camisa quadriculada eu já tenho a quase um ano, mas nunca usei e resolvi usar ela hoje, foi da C&A, mas não me lembro muito bem o preço. A blusa de dentro e o short são da loja Etiketa Plus Size, eu já falei da loja aqui, mas esse é o site: https://www.etiketaplusize.com.br/ Pra quem não anotou da ultima vez, anota agora, vale super apena e a blusa eu não lembro o valor e não achei no site para informar, mas o short é: R$ 84,90 e o sapato é também da mesma loja, um Sneaker que não dá para ver na foto, mas que foi: R$ 79,90. Espero que gostem e desculpem a falta de informação, quem sabe em breve faço outro com mais informações.

Dietas, porque não fazem?

Nem toda mulher nasce gordinha ou com padrões físicos para serem - no popular - gordas, algumas engordam com o tempo, a correria do trabalho, escola, faculdade, outras engordam por adquirir problemas de saúde, por sofrimentos que levaram a comer um pouco mais. Os motivos para se estar "fora de forma" são vários, mas sempre há uma solução para quem procura chegar ao tão sonhado corpo de modelo ( o que não é o meu caso. ). O primeiro passo de descobrir uns quilos a mais é o pânico, a mulher ver aquela gordurinha indesejada e resolve que vai pegar mais pesado na academia, ou que vai entrar em uma academia, mas então descobre que isso não resolve e parte para as dietas malucas que dizem resolver o seu "problema" em alguns dias, um mês você perde 15 ou 20 quilos e com tudo isso vem aquela famosa frase já conhecida por todas as mulheres e até alguns homens "segunda eu começo", mas essa segunda nunca chega.
O problema em tudo isso é que as vezes aquela gordurinha indesejada não vai sumir nem com reza braba para orixá de candomblé, porque ela não apareceu do nada, não foi um chocolate que você comeu, não foi uma comida diferente, as vezes é algo do seu organismo, algum tipo de doença que pode estar começando a dar sinais usando o seu corpo, avisando que você não precisa de uma dieta louca ( como a dieta da lua ), mas sim de um médico. Mulher tem aquele instinto super protetor de iniciar suas medicações em casa, indicar para as amigas, porque muitas vezes funcionou com ela, mas o que precisasse saber primeiro é que: Ninguém, é igual a ninguém. Cada organismo tem seu jeito de funcionar, por isso tem mais pessoas morrendo em hospitais, do que com saúde para dar, vender e emprestar.
É muito difícil uma gordinha entrar na dieta e se manter nela, primeiro porque já esta acostumada a um ritmo alimentar, segundo porque o estomago já se acostumou a esse ritmo e terceiro porque nós não somos de comer pouco e não resistimos fácil as tentações culinárias. Entrar em uma dieta é a coisa mais fácil do mundo, o difícil é permanecer nela por mais de três semanas, porque não depende só de você, depende das pessoas ao seu redor, depende da dieta que esta fazendo, depende da sua rotina e além de tudo isso, depende de um médico, porque fazer uma dieta sem prescrição médica, sem ser acompanhado de perto por um nutricionista é pedir para sofrer o dobro e acabar com um problema maior do que só a sua gordurinha a mais. Para quem passa por um tratamento ( que é o meu caso ) entende como é difícil seguir as regras impostas por um médico, se a sua família não faz o mesmo, seus amigos as vezes não contam muito, porque eles não estão 24hs com você como a sua família e não vai fazer uma comida para as pessoas da sua casa e outra exclusiva para você.
O terceiro passo de ser uma gordinha é a aceitação, você se aceitar exatamente como é e procurar melhorar a partir de você e não por os outros te apontam na rua, você precisa se cuidar por si só e não pelos outros. Eu como uma gordinha que me aceito como sou, não digo a ninguém: Não faça dieta! Pelo contrário, isso vai te fazer bem? Você esta fazendo isso por você ou porque alguém não te aceita como é? Se a resposta de ambas as perguntas for você mesmo, eu ainda apoio e ajudo no que puder. Até porque também faço dieta, acompanhada por uma nutricionista, mas não porque quero ser a próxima Adriana Lima, mas porque minha saúde falou um pouco mais alto do que qualquer coisa e com isso a minha razão ajudou bastante. Mas primeiro entendam, nós não fazemos dieta, não é porque não queremos, é porque se torna realmente difícil e sem acompanhamento médico ainda pior.
Se você é gordinha e é feliz, como eu, deixa as pessoas falarem e simplesmente continua caminhando, a verdade dói, mas ajuda muito mais que qualquer mentira, você é linda do seu jeitinho e não há ninguém que pode mudar isso. E as amigas que começaram a dieta ( com um nutricionista ) vamos a luta, estou com vocês apoiando até o fim. Vamos ser saudáveis meninas, mas de uma forma que não agrida o nosso bem estar e nem maltrate nossa saúde. Um beijo grande!


Atenção: Esse post é dedicado a minha grande amiga, Amanda Faria, uma diva linda que esta comigo mesmo quando todos resolveram me deixar, te amo sua linda!


quarta-feira, 13 de março de 2013

O inverno significa cores escuras?


Sempre que chega o inverno tiramos daquela parte mais escondida do guarda-roupa aquelas peças mais escuras que combinam tanto com o nosso humor quanto com o clima, mas cá entre nós, o inverno pede mesmo para que fiquemos tristes e usemos apenas cores escuras? Em minha mais sincera opinião, a resposta é não. O inverno pode ser alegre, claro, divertido, ainda mais para quem mora na Bahia como eu que é uma raridade você ver o tempo fechar de verdade e cair aquela chuva maravilhosa que só pede cama.
Hoje, esta muito mais em conta abusar do colorido no inverno do que se adaptar as cores escuras e sair como todo mundo, precisamos alegrar os dias e não torna-los mais cinzas e cheios de nuvens carregadas. Em particular, eu gosto de usar cores diversificadas, aquilo que me faz bem naquele dia, por exemplo cores claras. As cores escuras sempre ajudam a esquentar um pouco mais, isso é comprovado, mas junto com uma cor escura porque não quebrar a rotina com algo claro ou até mesmo colorido?
Preto com branco, branco com vinho, vinho com rosa, rosa com vermelho, vermelho com azul, azul com marrom, marrom com amarelo, amarelo com preto. O que vale é brincar com as cores e o que você tem para alegrar o seu dia e não deixar que o preto ou as cores escuras em geral tomem conta do seu inverno e por consequência do seu humor, se o dia pede cama, coloque sua capa de chuva, tire a poeira deixada pelo cinza e vá dançar, namorar, paquerar, vá a uma balada, divirta-se sem deixar o clima estragar o seu humor, para isso nós mulheres já temos a tpm e os homens, bom tem os problemas com o carro e o trabalho? É uma opção, já que eu conheço o meu universo.
Então meninas e meninos, eu convido vocês para colorirmos esse inverno que vem por ai e quebrar os tabus do mundo da moda, quem estiver comigo é só bagunçar as coisas e se preparar para o que vem por ai!


terça-feira, 12 de março de 2013

Estou apaixonada!

Conheci ele tem alguns dias e já estou sofrendo com esse termino precoce, não levou nem um mês e já quero repetir a nossa dose de nostalgia, embora saiba que quando chegar ao fim outra vez ele me fará sofrer de novo. Antes que alguém ache que se trata de um homem, o que não é de todo mentira, esse homem é um livro. (hahaha) Enganei vocês direitinho, posso apostar. Semana retrasada eu estava na casa da minha mãe no interior e enquanto arrumávamos a casa eu achei um livro, um livro completamente novo que ninguém havia se quer tocado nele, estava lá como se estivesse me esperando para ser lido e eu como uma boa leitora e apaixonada por livros, trouxe ele comigo para casa.
A história do livro é bem antiga, mas é apaixonante e prende o leitor desde o começo, é a história de um menino que junto com o pai descobre um livro pelo qual ele se apaixona, mas o livro carrega com ele uma maldição de anos esquecida. Daniel Sempere, fascinado com a história que leu tenta de todas as formas descobrir por onde anda o autor daquele livro que tomou conta da sua infância e ai começa uma caçada histórica atrás de pessoas que conheciam Julian Carax, autor deste livro esquecido a séculos. Porém nessa busca perigosa Daniel conhece uma mulher que muda sua vida e tem a sua primeira surra de amor, junto com esta surra ele conhece aquele que vai se tornar o seu melhor amigo, um mendigo a quem ele ajuda algum tempo depois que vai ajudar Daniel a descobrir sobre Carax. A história de Julian começa a ser vivida por Daniel com o passar do tempo e as descobertas, as coisas se repetem na vida de Daniel, porem ele tem coragem para ir atrás do seu novo amor, um amor mais adulto que ele descobre aos 18 anos. A história é completamente envolvente e bem escrita, eu recomendo para todos aqueles que ainda não tiveram a oportunidade de ler.
O livro é do autor Carlos Ruiz Zafón, se chama A Sombra do Vento e é da editora Suma de letras, garanto que alguém já deve ter lido, porque não é um livro muito novo, mas eu só tive tempo de ler ele agora, como no livro, parece que ele me escolheu e não eu quem achei ele. Na saraiva custa apenas: R$46,90.


sábado, 9 de março de 2013

Porque elas engordam?

Acho que a pergunta que todo homem se faz depois de casado é: Porque a minha mulher engordou? Não é culpa sua, só para deixar claro maridos de plantão, a culpa não é de vocês, mas existe um negócio chamado estresse que faz a gente comer um pouco mais e quando casadas vivemos a beira do estresse quase todos os dias, a ponto de explodir como uma bela panela de pressão, a culpa não é de vocês, é do estresse que nos causa. E é pensando nisso e na pergunta de um leitor, que hoje eu vou falar sobre o porque as mulheres engordam.


Existem várias respostas cientificas para o motivo da mulher engordar mais do que os homens e isso você encontra em qualquer lugar no google, é só procurar direitinho. Mas, vamos falar o porque eu engordei e dai quem sabe vocês tirem alguma conclusão.
Bom, eu nunca fui uma mulher magra, sempre tive o corpo cheio de curvas, mas não era exatamente gorda como os padrões dizem por ai, mas com 17 anos eu vim morar na cidade grande e foi ai que a minha vida começou a mudar de verdade, eu tinha descargas diárias de estresse por conta de ônibus que atrasava, aulas que acaba perdendo e comecei a ficar doente com muita frequência, tudo isso me fez comer bastante, eu virei uma consumidora compulsiva de comida, vivia beliscando aqui e ali sem freio algum e juntou isso as minhas descargas de estresse eu acabei desenvolvendo um tipo de "problema" que ainda esta sendo estudado para que eu comece a me tratar e voltar ao corpo de antes ou não, mas é uma hipótese.
Existe uma doença chamada Hipotireoidismo que atinge em principal as mulheres, tanto na infância quanto na velhice, mas isso não quer dizer que também não se desenvolva na transposição entre a infância e velhice. Um dos sintomas dessa doença é a obesidade que hoje em dia toma grande parte da população mundial de todas as formas, tem cura? Sim, tem cura, a base de muito tratamento, muitos remédios e outras coisas, esse pode ser um dos motivos para a mulher engordar, não necessariamente o hipotireoidismo em questão, mas uma doença crônica ou não que cause o distúrbio alimentar e por consequência a obesidade ou um ganho generoso de peso. A depressão também é uma grande aliada do ganho de peso ou da perda dele e pode ser associada ao ganho de peso de uma mulher.
O que se precisa saber é que cada ser humano tem um tipo de metabolismo, algumas crianças, mulheres, nascem com tendencia a ser gordinha e chega a uma fase da vida que não se consegue controlar por diversos fatores, problemas com relacionamento, familiar ou no trabalho. Cabe a cada um respeitar o corpo de uma gordinha e o seu próprio, sabendo do que se passa consigo antes de julgar qualquer um. A pessoa que goza de boa saúde é sempre muito sortuda, mas nem todo mundo nasce com a bunda virada para a lua e mais cedo ou mais tarde alguém vai se tornar uma nova gordinha ou gordinho, ou se tornar um novo esquelético ou esquelética ( sem preconceito. ).
Dito tudo isso, eu lhe pergunto: O tipo físico e o porque a pessoa tem aquele tipo, realmente importa? Ou é só mais uma forma de tentar explicar o que não precisa ser explicado? Cada um tem aquilo que lhe foi dado antes mesmo de nascer, seja um tipo físico, seja uma doença ou qualquer outra coisa, agora cabe a cada um cuidar um dos outros, sem olhar os problemas, as vezes um gordinho é mais feliz do que qualquer outra pessoa, porque ele se aceita como ele é e sabe que quando quiser, pode mudar seu estado, sem depender de ninguém!
                                 Um beijo e até o próximo post!

PS: Dedico esse post a um leitor que me sugeriu ele, Leonardo Brandão!

sexta-feira, 8 de março de 2013


   Nascemos completamente nus, os garotos crescem e os pais ensinam a jogar bola, andar de bicicleta, conquistar as meninas, dirigir e somente isso. As meninas crescem e as mães ensinam como fazer as unhas, como se maquiar, como cuidar dos cabelos, da pele, do corpo, ensina como não cair na conversa dos garotos, a cuidar dos garotos e a amar os garotos. Elas crescem e as mães ensinam o que é menstruação e os problemas que vem junto com a evolução, perdem a virgindade e as mães enlouquecem enquanto os meninos as perdem e os pais celebram com tanta emoção. Meninas crescem e precisam aprender a lidar com a casa, fazer comida, arrumar e se arrumar, precisa aprender a estar apresentável, a conquistar seu lugar no espaço, a revidar quando é atacada, a se defender e comportar. Enquanto os meninos crescem e só precisam aprender a respeitar o trânsito, a beber, fumar e descobrir qual é a mulher para casar e a que eles só querem para ficar e descartar. Mulheres crescem e precisam aprender a cuidar dos filhos e futuros netos, precisam aprender a se preocupar com a educação das suas crianças, precisam mostrar que o respeito tem que esta em todas as gerações, raças, cores e opiniões, precisam aprender a se dividir entre trabalho, lazer e família, precisam colocar ordem na casa para que não vire bagunça, precisam aprender a dar bronca sem deixar de ser sensível, andar de salto alto, encarar as tpms, os chefes abusivos, os maridos relaxados, as crianças mal educadas e os colegas de trabalho que não sabem respeitar. Enquanto os homens crescem e a única coisa que eles precisam aprender  é a trabalhar para sustentar a família que escolheu para cuidar, a esposa que ele diz amar e os filhos que ele mal tem tempo para por o olhar. Mulheres e homens não são tão diferentes assim, mas são as mulheres que suportam todas as dores enquanto os homens só precisam fingir e sorrir, sabendo que no final das contas o sexo frágil é aquele que esta em casa, esperando acordada a hora que ele chegar para dormir.
  O mundo realmente evoluiu, as coisas mudaram, deixaram de ser como nos anos 80, mas ainda assim desde criança as mulheres aprendem dentro de casa que sua função no mundo é somente servir, por isso eu dou parabéns para aquelas mulheres que destruíram a caixa mágica da ilusão e se abriram para o mundo, sem se importar com as conseqüências e que depois disso só precisaram ensinar aos seus filhos, que nem tudo é como se pinta o mundo e que há muito mais cores além do verde e azul que é visto do céu, que pode se criar em um pedaço de papel mais do que apenas mais uma caixa. Mulheres que deixaram para trás suas vidas presas ao lado de um fogão e foram procurar o melhor, as que dominam o próprio mundo na palma da mão e que não precisam de outra opinião. Feliz 08 de março, as mulheres guerreiras que mesmo suportando todas as dores, aprenderam a enfrentar e passar por cima da multidão!

                                                                                            Um beijo doce, da gordinha!

domingo, 3 de março de 2013

Um adeus feliz!


Adriana era aquela menina doce, estudava em escola pública, tirava as melhores notas e entrou para a faculdade com uma bolsa de estudos que conseguiu graças a todos os seus esforços, se tornou uma excelente jornalista, com grandes méritos e matérias que levaram a prisão vários contrabandistas pelo mundo.
Quando entrou para a faculdade de jornalismo, Adriana não queria ser reconhecida, ela não queria que seus colegas a olhassem ou falassem dela, embora não fosse uma mulher feia ou mal cuidada, ela se esforçava para manter sua aparência sempre evidente, ruiva de cabelos longos ela não se importava com os assobios que recebia ou as cantadas, até se aproveitava de algumas delas para distrair a mente e acabar saindo com um cara errado ou dois, mas tudo isso fora da faculdade, ali dentro do campos ela só queria ser reconhecida pelos seus méritos acadêmicos, mesmo que isso a transformasse na cdf que seria zombada pela turma. No seu segundo semestre ela conheceu Demetrius, o homem que tomou conta da sua vida por completo, fez seu mundo virar de ponta cabeça e como jamais ela pensou que aconteceria, estava apaixonada. 
Sua relação com Demetrius mudou completamente o rumo da sua vida, ela deixou de ser a garotinha escondida e passou a freqüentar as melhores festas das fraternidades em toda a faculdade, passou a ser conhecida e paquerada por todos os homens e até algumas mulheres que cercavam aquele lugar, mas os seus olhos e seu coração eram de Demetrius, seu único amor. Os amigos que havia feito antes tinham deixado-a, assim como ela havia deixado eles, mas pouco se importava havia novos amigos, novas pessoas em quem ela poderia confiar, pessoas falsas, mas que ela não estava nem ai. O namoro com Demetrius virou um noivado e assim eles terminaram a faculdade juntos, ele um grande advogada e ela uma grande jornalista, nada mudou, tudo continuava lindo como nunca.
Casaram-se no auge dos 25 anos de Adriana, com uma grande festa dada pelas famílias e foi nesse casamento que tudo mudou. Adriana descobriu como o banqueiro e renomado senador vivia, como ele ganhava o dinheiro da família por trás dos panos, como nada era tão perfeito como parecia ser e como a grande jornalista que era passou a investigar a vida do seu amado marido e sua família, escrever um artigo atrás do outro sobre roubos e todo o resto de podridão que havia por trás daquela família tão conhecida e renomada. Até que em uma noite quando escrevia mais um de seus artigos recebeu a noticia que seu sogro havia sido acusado por contrabando, o senador iria ser ouvido pela juíza daqui a alguns dias e ela estaria lá para cobrir tudo a pedido do seu marido. O que Adriana não sabia era que seu marido mais queria era que ela maquiasse todo o artigo favorecendo a ele e a seu pai, para a revolta de Adriana.
- Eu não vou escrever sobre o seu pai dessa forma, eu não vou esconder quem ele é, eu sou uma jornalista Demetrius, eu não posso fazer isso. 
- Mas é claro que pode Adri, você pode fazer isso, por mim, por favor.
- Eu sinto muito, mas não vou manchar a minha reputação por conta da sua família.
- Que também é a sua família Adriana, você se casou comigo.
- Exato, eu me casei com você e não com ele.
As brigas vieram depois do escândalo que levou o senador para trás das grades, quando Demetrius se transformou no homem que realmente era e não naquele rapaz por quem Adriana havia se apaixonado, os problemas começaram a aparecer, ele não dormia mais em casa e ela já não se importava tanto assim, os dois já não se falavam como antes e eles já não percebiam mais a situação, Adriana já não olhava mais para o marido quando se deitavam e ele já não percebia que as coisas iam ruim, mas nenhum dos dois pensavam em trair, embora fosse isso que dissessem os jornais quanto a eles dois, quanto a falta de amor dos dois, mesmo sendo mentira. 
Quando não suportou mais as brigas, Adriana chamou o marido para conversar e no meio dessa conversa ele pediu o divórcio, doeu como nunca havia sentido doer antes, mas ela não disse nada, apenas concordou e deixou que seu marido desse entrada nos papeis da separação. As audiências se passaram rapidamente e ela estava ainda mais focada no trabalho, a dor já não incomodava mais e mesmo o amando como sempre amou, ela não dizia e nem fazia nada para mudar aquela situação. No dia de ir embora ela arrumou as malas, vestiu sua melhor roupa e na porta, na hora da despedida ela o olhou fixo nos olhos, como já não olhava a quase um ano e meio, então perguntou:
- Então é assim que tudo acaba?
- Sim, é assim que tudo acaba Adriana.
Ela sorriu docemente, deu-lhe um ultimo beijo aos lábios e partiu, dentro do seu peito enquanto se distanciava, ela sentia que ele viria atrás dela, que ele pediria a ela para ficar, que tudo foi um erro e que ele estava arrependido, mas ao chegar no final da pequena estradinha de pedras na entrada da casa e olhar para trás, antes de entrar no carro, ela viu que o que estava deixando para trás não era exatamente o amor da sua vida, mas toda uma vida que ela entrou de cabeça sem ao menos perceber, estava deixando para trás as amizades que perdeu por se envolver com aquele homem que só depois de 4 anos de casamento resolveu mostrar a verdadeira face sendo tudo que ela mais temia na vida, ela estava deixando para trás a ruína de uma vida e aprendendo como era recomeçar com as próprias pernas. Quando olhou para trás e viu que estava seguindo sozinha, Adriana se deu por conta de que estava feliz e era assim que iria viver até o seu fim, pois aquele só era mais um começo para o seu livro rabiscado, um novo começo para reescrever o seu conto de fadas do final feliz!



sábado, 2 de março de 2013

Porque eles e elas traem?



O que leva um homem a trair? Eu não sei, mas fui perguntar a alguém que é bastante próximo a mim e que já traiu, a resposta dele foi a seguinte:
“ Muitas vezes um homem trai por falta de atenção o que foi o meu caso, mas os homens também traem por serem descarados mesmo, por não conseguir ficar com uma só, mesmo sabendo que essa uma é a garota certa. Alguns homens tem a necessidade de magoar uma mulher porque ele já foi magoado no passado e é por isso que eles traem.” 
Essa foi a resposta do meu primo para o porque os homens traem, mas e vocês meninas, o que me dizem quando a pergunta é essa: Porque os homens traem? Em minha opinião os homens traem porque perdem o interesse, mas não sabem como terminar a relação, ou porque se apegou demais a menina e ela cuida dele como nenhuma outra vai cuidar. 
Traição para mim é uma faca de dois cortes, de um lado a mulher traída que se ofende e sai machucada da história, mal sabendo ela que um pouco da culpa por ser traída é dela e não somente do cara e do outro lado esta a mulher que ajudou na traição que algumas vezes nem sabe que o cara tem alguém, que encontrou com ele na balada por acaso e acabou gostando dele e resolveu se envolver, ou em outros que sabe que o menino tem alguém e mesmo assim ficou, o que não vai deixar ela machucada caso a outra descubra. Para mim não existe essa de que “homens de verdade não trai” pelo contrário, os homens também traem, porque eles se sentem seguros em si para ficar com outras garotas, achando que a garota que esta em casa não vai descobrir nunca que foi traída. 
Um homem não vai deixar de ser homem porque traiu uma mulher e nem uma mulher vai deixar de ser mulher porque foi traída, muito pelo contrario, ambos vão aprender com as experiências e procurarem ser melhor ou no caso continuar na mesma e encontrar a pessoa certa que combinem com ambos os lados. Claro que para um homem trair é sempre o garanhão, o fodão, o que pega todas, o mais gostoso, porque eu não sei o que nós mulheres vemos nesses tipos de homem, talvez porque todas já pegaram nós também queremos para ver se é aquilo que dizem mesmo e no final, nem é o que pensamos que era e acabamos nos arrependendo de ter ido pelo que foi dito pelas outras. O homem não vai perder sua reputação se trair, o que é uma grande injustiça quando se trata de direitos iguais, pelo contrário, o homem vai ganhar ainda mais fama por ter traído, mesmo ele se arrependendo depois.
Falar que os homens traem não muda o fato de que nós mulheres também traímos e talvez até mais que os homens, porem nós sabemos esconder muito bem uma traição e se isso nos machuca nós paramos de trair ou terminamos o relacionamento, tudo isso numa boa e sem demonstrar que traímos, mesmo com o homem dizendo mil vezes que foi isso que a gente fez. Mas e para nós, porque nós traímos? É bem simples, nós traímos pelo simples fato de que o homem que esta em casa não reconhece quem somos e como somos, em muitas vezes eles nos machucam, nos traem, nos enganam e para dar o troco vamos lá e traímos, isso não quer dizer que amamos menos aquele cara errado, só quer dizer que de certa forma lavamos a nossa alma como mulher. Ninguém vai saber a não ser a nossa melhor amiga e muitas vezes nem ela sabe, guardamos esse segredo tão bem guardado que não o confessamos nem para o nosso espelho, por medo de que o nosso reflexo vá contar isso mais tarde para alguém, mas ainda assim nós também traímos e traímos não só porque somos traídas, mas algumas das vezes porque assim como os homens, nós também gostamos de trair.
Depois de falar sobre todo esse tema, de traição, vocês devem estar achando que eu apoio isso, mas não, eu não apoio a traição, mas ela esta por toda parte e não é só entre casais, é entre amigos, familiares, colegas, entre todos os tipos de relações entre os seres humanos. Trair, querendo ou não esta no sangue das pessoas e uma hora alguém vai trair, seja de uma forma ou de outra, ninguém pode te dizer “não traia”, mas alguém pode te mostrar que é certo o suficiente para não ser traído e é ai que esta o grande charme de uma relação, encontrar aquela pessoa que te mostra o caminho certo e procurar com os erros, faz parte da grande cadeia alimentar da vida. Você não precisa dizer que já traiu, mas também não precisa ser hipócrita o suficiente para dizer que nunca traiu e que nunca vai trair uma hora você paga a própria língua e se desculpar nunca é uma opção, mas crescer e aprender com o próprio erro que cometeu. 
Bom meninas e meninos, isso é o que eu acho sobre traição e se vocês discordam, deixem sua opinião não vai matar e se concordam também. Um beijo doce e até o próximo tema!



Como não amar: Acessórios! ( part 2 )

Vou começar essa segunda parte de acessórios, falando dos charminhos do invernos, os lenços, porem eles não servem só para o inverno, comigo eles funcionam durante o ano inteiro e de formas diferenciadas. Quando falo de lenços, falo de todos os tamanhos e formatos e comigo eles servem para tudo, servem para usar como lacinho na cabeça, substituindo a tão usada e famosa tiara, pode ser usado no pescoço para dar um charminho a mais, pode ser usado na bolsa só para enfeitar aquela bolsa mais neutra que temos, bolsas que quase nunca usamos por ser simples ou bolsas que já estão bem batidinhas por usarmos demais pelo simples fato de serem simples, por exemplo a Ju da novela malhação, ela usa um lenço pequeno na bolsa como enfeite e fica um fofo, eu adoro aquele estilo. Podemos usar o lenço como um cinto, ou só para enfeitar o lado do short, aquele short mais simples, que não usamos muito, podemos deixa-lo mais arrumado com um lenço, preso na lateral, de uma das pernas, moldando o short com um jeito diferente, fica perfeito e sempre dá um charme a mais, então quer apostar em um visual mais despojado, com uma coisa que pode ser meiga, rock, sexy e qualquer tipo que você quiser? Simples, usa um lenço e vai ficar perfeito, principalmente se o seu lenço der para ser usado como blusa, eu já usei.


Outro acessório que faz toda uma diferença são as pulseiras, elas servem para deixar o seu look bem mais arrumado, mais fofo, mais de tudo um pouco se é que me entendem, as pulseiras dão um valor diferente a sua roupa, principalmente se ela deixar seus braços muito expostos. Assim como os anéis, as pulseiras chamam a atenção para uma parte do seu corpo que pode ter mais atenção do que outra que você quer esconder, sem contar que dá um charme a mais naquela jogada de cabelo e movimentos que fazemos, como a Rexona já até usou as pulseiras para chamarem atenção em uma propaganda, sinal que isso funciona certo? Eu adoro pulseiras e tenho duas que nunca tiro do braço porque as amo demais, são bem simples, mas foram um presente da minha priminha e eu nunca tiro porque simbolizam a nossa amizade. Apostar nas pulseiras para equilibrar um look é uma jogada que vale muito a pena fazer. E o mesmo das pulseiras valem para os relógios e podem misturar os dois que sempre dá certo, um relógio com várias pulseiras, fica lindo e dependendo dos modelos, fofos e chamativos.


Mais um acessório que serve para todas as épocas, até porque quando estamos no inverno também faz sol e eles escondem aquelas olheiras que não queremos mostrar de jeito nenhum, é isso mesmo meninas eu estou falando dos queridos óculos, que tanto escuros quanto de grau ajudam bastante a melhorar o look do nosso dia ou da nossa noite. Eu tenho que usar óculos sempre, porque preciso usar óculos, mas isso me favorece bastante quando quero esconder que não me maquiei, quando estou com pressa para ir a algum lugar e sem contar que eles protegem os meus olhos do sol. Hoje em dia tem diversos tipos de óculos que combinam com seu formato de rosto, com seu tipo físico e com seu jeito de se vestir, é só apostar naquele que te agrada mais e fazer o seu visual favorecer ao que carrega no rosto, sem contar que é um acessório bastante antigo, mas que sempre faz toda a diferença.

Um tipo de acessório que também esta com todas as mulheres a muito tempo são os cintos e existem de todo tipo, desde os mais fininhos só para dar um charme e os mais grossos para chamar mesmo a atenção para a nossa cintura ou qualquer outra parte que ele esteja. Eu não gosto muito de cintos, mas tenho dois largos que costumo usar com saias de cintura alta ou vestidos mais folgadinhos que me deixam um pouco mais cheinha do que já sou. Os cintos não só ajudam a segurar as roupas, como também dão charme ao seu visual de uma forma mais discreta ou mais abusada, mostrando suas curvas ou escondendo elas conforme você deseja, os cintos são sempre de grande ajuda, mas é sempre bom tomar um pouquinho de cuidado em como vamos usar eles, para não ficarmos tão apertadas e divididas.

Por ultimo, mas não menos importante e encerrando essa coisinha de acessórios, que eu só falei dos principais que estão sempre a mão, eu vou falar do mais essencial de todos: A bolsa. Meninas, como não amar acessórios e como não amar o acessório que nos serve para tudo e para todo o momento, que tem de todos os tipos e tamanhos, que deixam o nosso look ainda mais interessante e sofisticado ou fofo? Exatamente, tinha que falar das bolsas, elas são indispensáveis  a mulher que não tem uma bolsa, não tem praticamente nada, porque eles são as nossas melhores amigas, estão sempre conosco e guardam todos os nossos objetos indispensáveis tanto do dia quanto da noite. Bolsas grandes, pequenas, médias, bolsas de escola, bolsas carteiro... entre outras, são o tipo de acessório que dá ainda mais charme para o nosso visual, combinar uma bolsa com a roupa é algo que fazemos sempre e nem preciso falar muito para vocês sobre isso certo? Mas é sempre essencial e eu tinha que encerrar com elas. Eu amo bolsas e vou ter uma coleção um dia, mas por enquanto eu fico aqui babando. As bolsas são como o toque final para qualquer look, assim como o batom é toque final para a maquiagem, então quer usar acessórios fofos e pequenos e apostar em algo grande para fechar o seu look? Aposte em uma bolsa, elas nunca decepcionam e vai de acordo ao que você necessita no seu dia.

Então é isso meninas e na falta do que apostar, aposta em uma bolsa. Esses dois post's sobre acessórios, também servem para ajudar na escolha de um presente, se você é um garoto e lê esse blog e não sabe o que dá de presente? Aposte em um desses acessórios e eu tenho certeza que a garota que ganhar vai amar. Um beijo doce e espero que gostem e me passem dicas, eu espero por vocês!

sexta-feira, 1 de março de 2013

Como não amar: Acessórios!

Os acessórios são os melhores amigos sejam dos homens ou das mulheres, mas no nosso caso os acessórios são os bff's em todas as situações, eles ajudam a esconder, a mostrar, a chamar atenção para lugares específicos e sempre dão um toque a mais naquele look apagadinho que estamos usando em um determinado dia quando não estamos afim de usar algo tão elaborado e charmoso, por isso eu vou falar de acessórios e formas de destaca-los melhor no seu visual.
Uma cabelo preso sempre deixa o seu pescoço mais visível e uma forma de não chamar muita atenção para ele sãos os brincos grandes, eles ajudam a destacar suas orelhas e dão aquele charme a mais no seu visual, por exemplo em uma festa de gala, onde geralmente usamos os cabelos presos com algum penteado mais elaborador, o brinco grande além de dar um ar mais sofisticado ao look, ajuda a quebrar o gelo daquele cabelo mais bem elaborado, deixando o look ainda mais chic.

Os brincos menores também servem para ser usados em um look mais elegante, mas eles ficam bonitinhos com qualquer coisa, um look mais romântico, uma coisa mais casual, o dia a dia é certo para um brinco um pouco menorzinho, que vai deixar as coisas mais mimosas, como por exemplo quando não estamos afim de nos arrumarmos para a aula, então pegamos os cabelos e arrumamos de qualquer jeito, se deixamos eles soltos é só jogar um brinco menor, colocar um lado atrás da orelha e você vai ter todo o seu charme reservado em um toque, sem contar que eles vestem as nossas orelhas como ninguém.


Outro produto que esta enlouquecendo a mulherada e que serve muito para esconder ou destacar é o max colar, ele valoriza o colo quando estamos usando uma roupa mais fechada, chama a atenção para aquele local especifico, mas também ajuda a esconder quando estamos com uma blusa ou vestido mais aberto no colo, ele valoriza e esconde dependendo do tipo de roupa que você esta usando e dependo também do tipo do produto que você esta usando. Eu particularmente não uso, mas acho bonito nas pessoas.



Colares menores, mais meigos, cordões, eles também chamam a atenção e apagam algumas coisas, porem na maioria das vezes eles servem mais como um toque para a sua roupa, seja ela no estilo qual for, o colar vai servir para apimentar ou suavizar o que você esta usando e confesso que eles são os meus preferidos, os mais meigos, ou com corujinhas, ou com bigodes, corações, coisinhas fofas que deixam o look mais meigo são os meus preferidos e eu uso muito, vou admitir. Se você esta indo para a aula ou trabalhar ( dependendo do trabalho ) um colar menorzinho, mais meigo, que chame menos atenção, vai acrescentar um toque fundamental a sua roupa que outra coisa não vai.

Agora os anéis, os anéis turcos estão bastante na moda, aqueles anéis com pedras grandes, com enfeites grandes ( ex: caveira, bigode, borboleta ) que vamos combinar que eles são lindos, mas eu não usaria, porque tenho a mão pequena e não acho que combina muito comigo, prefiro os anéis mais delicadinhos, mas isso fica para o próximo tópico. Enfim, voltando ao assunto, os anéis grandes estão super na moda e eles chamam bastante atenção para a sua mão, se você quer esconder tudo e fazer todos os olhares caírem nas suas unhas bem feitas é só colocar um anel desses, você vai arrasar e eles podem ser usados com qualquer look, desde que você saiba qual o modelo que deve usar.


Por ultimo mais não menos importante os anéis mais fofinhos, menores que podem ser usados em qualquer ocasião, só para dar um toque mais charmoso, ousado ou meigo ao look que estamos usando, seja para o dia ou para a noite, para trabalhar ou estudar, para sair com os amigos seja na balada ou só para tomar um café. Os anéis mais meigos que servem para vestir a nossa mão e dar aquele charminho que estava faltando ao nosso look que tanto demoramos para montar, esses anéis são os meus preferidos e eu tenho diversos e uso sempre, em qualquer ocasião, de modelos diversos que combinam com cada look que eu uso durante o ano. Eu sou suspeita para falar, mas sair sem um anel no dedo para mim é como sair nua, tenho que esta usando pelo menos um e eles sempre nos deixam com um ar mais apresentável  mais cuidadas, mais arrumadas, na minha opinião. Anéis dão o charme na hora de gesticular, de arrumar o cabelo, de mostrar alguma coisa, então esta sempre com um anel, para mim é fundamental.


Outros anéis que estão fazendo a cabeça da mulherada são os anéis duplos ou triplos e os anéis de falange que sãos os meus preferidos por serem os mais meigos, porém eles tem a mesma pegada, servem tanto para chamar a atenção, como só para dar um toque a mais no visual, vai de você escolher qual prefere usar.



E nesse papo legal sobre acessórios eu encerro aqui a primeira parte com os acessórios básicos da nossa arrumação, amanhã vou falar sobre outros acessórios como bolsas, lenços e outros. Espero que gostem e vale a pena conferir cada um desses tipos e montar o seu look do jeitinho que você desejar. Amanhã também deixo o link dos sites que eu compro e adoro os acessórios.
                                                  Beijos doces e me digam o que acham!